Últimas Notícias

Área plantada com algodão em Mato Grosso deve ter aumento em 2018

Para o próximo ano, as expectativas para a cotonicultura no Estado continuam animando os produtores. De acordo com o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), com a perspectiva de aumento de área cultivada em 15,8% em relação à safra anterior, é esperado que a safra 2017/2018 tenha a maior área já cultivada no Estado, de 725,6 mil hectares, o que pode refletir em uma produção recorde de 2,85 milhões de toneladas de algodão em caroço.
Em relação ao custo da produção da pluma em Mato Grosso, as expectativas também são boas, dado que, conforme o Imea, o ponto de equilíbrio da safra futura está avaliado em R$ 82,51/@, o que retrata um recuo de 5,5% frente ao que foi visto na safra 2016/2017.
“Com a projeção de um cenário econômico mais restabelecido para 2018 no Brasil, é aguardado que o setor continue aquecido em decorrência da recuperação econômica das indústrias têxteis. No entanto, é importante frisar que tal recorde na produção dependerá das condições climáticas daqui para frente”, alerta o Imea.
Dado o cenário de 61,5% da produção estimada da pluma já ter sido negociada antecipadamente no Estado, o instituto destaca ainda que é de fundamental importância que o produtor “se atente às novas negociações para continuar viabilizando seus custos, a fim de garantir seu ganho durante a safra 2017/2018”.

Nenhum comentário