Últimas Notícias

Curso do IMA habilitará profissionais para certificarem a sanidade de produtos vegetais

O Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA) realiza de 4 a 7 de junho, em Belo Horizonte, o 87º Curso para Habilitação de Engenheiros Agrônomos, destinado a servidores do próprio IMA e aos profissionais com essa formação que atuam no mercado. O curso habilitará esses profissionais para a emissão do Certificado Fitossanitário de Origem (CFO) e Certificado Fitossanitário de Origem Consolidado (CFOC).

Esse certificado é um documento obrigatório que atesta a sanidade de determinado produto e é pré-requisito para a emissão da Permissão de Trânsito Vegetal (PTV), uma guia oficial que permite o trânsito de vegetais entre os municípios mineiros e para outros estados. O CFO certifica o produto vegetal na unidade produtiva (propriedade rural) e o CFOC certifica na unidade de consolidação (beneficiadora, processadora ou embaladora).

O engenheiro agrônomo e fiscal agropecuário Leonardo do Carmo, da Gerência de Defesa Vegetal do IMA, informa que o curso vai habilitar profissionais para a emissão de certificados para banana, café (mudas), citros, carambola, manga, goiaba, uva, tomate maçã, marmelo, pera, cucurbitáceas (tais como abóboras, melão, melancia e pepino) e heliconiáceas (também conhecida como bananeira do mato).

Ele argumenta que a relevância do curso está em capacitar pessoas para que atestem a sanidade dos produtos, permitindo assim a sua comercialização sem restrições fitossanitárias para outros estados e para o mercado internacional. “Para os profissionais que atuam fora do setor público, o curso é importante pois abre novas oportunidades de mercado, com uma opção a mais de trabalho” , diz.

O curso será realizado na Superintendência Federal de Agricultura, na avenida Raja Gabaglia, 1.600. A inscrição custa R$ 325,14.

Acesse aqui para mais informações!

Nenhum comentário