Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2019

Arábia Saudita habilita 25 exportadores brasileiros de carne de frango

Imagem
A Arábia Saudita habilitou 25 estabelecimentos brasileiros, localizados em distintas regiões do país, como exportadores de carne de frango para aquele país. A autorização é resultado de uma missão de especialistas sauditas que veio ao Brasil há três meses e visitou frigoríficos, fazendas e fábricas de ração.

Os 25 estabelecimentos comerciais responderam, no ano passado, a 63% do volume das exportações brasileiras de carne de frango – porcentagem que correspondeu a 437 mil toneladas – para a Arábia Saudita.

Ontem (21) o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) tomou conhecimento do relatório publicado pelo serviço sanitário da Arábia Saudita.

De acordo com a assessoria de imprensa do Mapa, o relatório está sendo examinado para que os estabelecimentos sejam informados, em detalhes, sobre as recomendações encaminhadas pelos sauditas. Fonte: Agência Brasil

Metodologia auxilia na gestão sustentável de propriedades rurais

Imagem
O sistema Indicadores de Sustentabilidade em Agrossistemas (ISA) tem auxiliado técnicos e proprietários na elaboração de um diagnóstico sobre a situação de propriedades rurais, em todo o estado de Minas Gerais. A ferramenta, desenvolvida pela Epamig, é aplicada por técnicos da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG) e busca a adequação socioeconômica e ambiental dos estabelecimentos rurais, com base em entrevistas com o produtor e uso de imagens de satélite para levantamento da realidade no campo.

Por meio de uma média de 21 indicadores e perguntas que englobam assuntos como a capacidade produtiva do solo, manejo e conservação do solo e da água, avaliação dos ecossistemas aquáticos e gestão dos recursos disponíveis, o sistema propõe instrumentalizar o produtor com uma ferramenta que oferece visão geral da propriedade rural.

“Apresentamos o ISA como uma ferramenta de gestão que aponta riscos, pontos críticos e oportunidades. A partir des…

Embrapa abre processo de seleção para aquisição de sementes do porta-enxerto BRS Acará

Imagem
Oportunidade para produtores de sementes de pimentão com inscrição no Registro Nacional de Semente se Mudas (Renasem): a Embrapa abriu processo seletivo para interessados em produzir e comercializar sementes da cultivar híbrida de porta-enxerto de pimentão BRS Acará.

Para participar da seleção, os produtores devem enviar e-mail com o assunto “Comunicado de Oferta nº 02/2019” para o endereço [email protected] e concorrer aos lotes de sementes genéticas das linhagens parentais do BRS Acará. As informações sobre o processo poderão ser acessadas aqui e também pelo telefone (61) 3448-1971.

Características
Até chegar ao estágio de oferta das suas sementes, o porta-enxerto BRS Acará desenvolvido pela Embrapa Hortaliças (Brasília-DF) passou por vários testes de validação de suas características, a principal delas sua resistência múltipla aos principais patógenos de solo. Mas o que chamou a atenção de pesquisadores envolvidos com o desenvolvimento da tecnologia foi a sua compatibilidade com …

Entidades apontam que novo Fethab triplica cobrança sobre a soja e é ainda maior no algodão

Imagem
Dirigentes de entidades que compõem o Fórum Agro MT reuniram-se, ontem à noite, na Famato, com o vice-governador Otaviano Pivetta, os secretários Rogério Gallo (Fazenda) e Mauro Carvalho (Casa Civil) e apresentaram os impactos que o Projeto de Lei do novo Fundo Estadual de Transporte e Habitação (Fethab), do governo Mauro Mendes, causará ao setor produtivo rural. O superintendente do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), Daniel Latorraca, fez uma apresentação com base nos dados dos valores já descontados do produtor rural para o fundo e como podem ficar com a nova proposta do governo.

O produtor de soja, por exemplo, que atualmente paga R$ 0,80 de Fethab por saca, com a nova proposta passaria a pagar três vezes mais, ou seja, R$ 2,34 por saca – Mato Grosso é o maior produtor nacional. Os produtores de milho e de cana-de-açúcar, que até então não tinham os descontos, pagariam respectivamente R$ 0,50 por saca e R$ 0,69 a tonelada. No caso do algodão – o setor mais i…

Rondônia | Oito municípios produtores de leite receberão calcário para correção de solos

Imagem
Cerca de duas mil toneladas de calcário serão transportadas para correção de solos em pastagens de oito municípios produtores de leite, conforme informou o coordenador de Desenvolvimento Agropecuário da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), Avenilson Gomes da Trindade.

A remessa de calcário para correção de solos em propriedades produtoras de leite será feita nos municípios de Alto Paraíso, Alvorada, Costa Marques, Cujubim, Governador Jorge Teixeira, Jaru, Machadinho do Oeste e Pimenteiras do Oeste, e Distrito de São Domingos, para atender a 81 produtores, com produção acima dos 200 mil litros diários de leite.

De acordo com o secretário de Estado da Agricultura (Seagri), Evandro Padovani, o calcário será utilizado na recuperação de solos ácidos com baixa produção.

“O calcário já recuperou mais de um milhão de hectares em áreas degradadas que hoje produzem soja, milho, café e pastagem para alimentar o rebanho do Estado, estimado em 14 milhões de cabeças, sendo cerca de 3 milhões…

Dirigentes de entidades se reúnem com governo para discutir aumento do Fethab no agro

Imagem
Representantes de diversos setores se reuniram, hoje, com o secretário estadual de Fazenda, Rogério Gallo, para discutir o projeto enviado pelo governador Mauro Mendes à Assembleia Legislativa, que prevê aumento na taxação do agronegócio em Mato Grosso. Segundo o presidente do Sindicato das Indústrias Frigoríficas de Mato Grosso (Sindifrigo-MT), Paulo Bellicanta, ambas as partes apresentaram números e houve discussão sobre os impactos.

“Expusemos a dificuldade de alguns setores e o que poderia causar o acréscimo. Já o governo expôs as suas necessidades. A partir disso, discutimos setorialmente os números. Ficou agendada uma nova reunião para amanhã (terça-feira) e, então, podemos ter uma evolução prática”, afirmou Bellicanta, ao Só Notícias.

Para Paulo, o setor frigorífico em Mato Grosso pode ter dificuldades, caso as mudanças sejam aprovadas. “Podem impactar muito negativamente. O setor gera valores bilionários, mas as margens de rentabilidade são baixas. De repente, com uma lei qual…

Alta divulga catálogo de leite importado 2019

Imagem
A Alta lançou o Catálogo de Leite Importado 2019, trazendo informações atualizadas das as raças Holandês, Jersey e Pardo Suíço. O objetivo da publicação é reunir dados de genéticas produtivas e modernas, adaptadas à realidade e necessidades de cada pecuarista.

“No catálogo os clientes encontram animais adaptados a todos os tipos de planejamento genético. Sabemos que a pecuária brasileira é diversificada, assim como os objetivos em cada atividade. Por isso, queremos oferecer uma variedade de materiais genéticos que atendam diferentes características e propostas de produção”, explica o gerente de leite importado, Fábio Fogaça.

Também considerando que os produtores possuem diferentes focos na seleção, o catálogo contém selos que identificam, de forma simples, as melhores opções para atender à cada plano genético. Ao receber qualquer um destes selos significa que a genética do touro é destaque para algum desses propósitos: Produção, Saúde ou Conformação.

Segundo Fábio, cada selo é co…

CNA e entidades discutem propostas para setor lácteo com ministra da Agricultura

Imagem
Representantes da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e da cadeia produtiva de lácteos se reuniram com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, na quinta (17), em Brasília. O encontro serviu para apresentar as principais demandas do setor e discutir políticas do novo governo para a atividade.

“Precisamos de ideias novas para que esse setor tão importante saia dessa gangorra em que sempre vive. Temos assuntos muito importantes pela frente, mas existe aqui um otimismo muito grande e uma vontade conjunta de trabalhar todos os elos da cadeia”, disse Tereza Cristina.

No primeiro encontro desde a posse da ministra, a CNA e outras sete entidades (OCB, Viva Lácteos, ABIQ, Embrapa Gado de Leite, Abraleite, Sindilat/RS e G100) entregaram um documento com uma agenda positiva para melhorar a competitividade do setor lácteo brasileiro. A ideia é que a Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Leite e Derivados apresente propostas para acelerar a modernização do segmento.

“Ap…

Nova fronteira agrícola será tema de congresso em Campo Grande (MS)

Imagem
Os solos arenosos serão o centro do debate entre os dias 07 e 10 de maio, quando Campo Grande (MS) receberá o III Simpósio Brasileiro de Solos Arenosos, que espera receber por volta de 700 congressistas.

Estas áreas eram consideradas marginais às atividades agrícolas. Graças ao uso de novas tecnologias, o cenário está mudando, e regiões com solos arenosos estão sendo incorporadas aos sistemas produtivos com sucesso. “Entre as técnicas utilizadas que permitem o uso desse tipo de solo na agricultura estão o Sistema Plantio Direto (SPD), e os sistemas integrados de produção, como o de Integração Lavoura-Pecuária (ILP) e o de Lavoura-Pecuária Floresta (ILPF), que propiciam maior produção de matéria orgânica na terra, gerando maior disponibilidade de nutrientes e de água. Algumas regiões também possuem grande potencial para uso da agricultura irrigada”, esclarece o presidente do Congresso Guilherme Donagemma, pesquisador da Embrapa Solos (Rio de Janeiro, RJ). Vale lembrar que em muitos ca…

Safra de café sofre influência de fenômeno bianual e reduz produção em 2019

Imagem
A produção de café no Brasil deve reduzir este ano, sinalizando ficar entre 50,48 e 54,48 milhões de sacas beneficiadas, devido à influência da bienalidade negativa nos cafezais, processo natural em que a planta se recupera do maior direcionamento de energia para a frutificação na safra passada, sobretudo na espécie arábica. O volume total que inclui também o conilon, menos atingido pelo fenômeno, perde cerca de nove milhões de sacas para safra 2018 que foi a maior colheita da série histórica do grão.

Os números são do 1º Levantamento da Safra de Café, divulgado nesta quinta-feira (17) pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Também a área em produção sofre redução de 1,2% comparado à última safra, podendo atingir 1.842 mil hectares.

A produção do arábica está estimada entre 36,12 e 38,16 milhões de sacas, apresentando uma redução comparativa à colheita passada de 23,9% a 19,6%, respectivamente. Já o conilon tem comportamento inverso e cresce a uma taxa de 1,3% a 15,2%, com p…

Exportações dos Cafés do Brasil atingem 35,2 milhões de sacas com receita cambial de US$ 5,1 bilhões em 2018

Imagem
Cafés diferenciados somaram 6,2 milhões de sacas em 2018 com acréscimo de mais de 21% em relação ao volume de 5,1 milhões de sacas de 60kg exportado em 2017
Os Cafés do Brasil exportaram 35,230 milhões de sacas de café de 60kg em 2018, para 123 países, e atingiram US$ 5,09 bilhões de receita cambial com preço médio de US$ 144,53 por saca. O volume de café exportado em 2018 foi 13,9% superior ao volume de 2017, que foi de 30,926 milhões de sacas. A despeito dessa performance, a receita cambial no ano passado foi 3% inferior a de 2017, quando totalizou US$ 5,25 bilhões ao preço médio de US$ 169,76 por saca de café.

Com relação à participação por qualidade nas exportações brasileiras de café em 2018, os cafés verdes somaram 31,516 milhões de sacas, sendo 29,038 milhões de arábica e 2,478 milhões de robusta. E, os cafés industrializados, registraram aproximadamente 3,713 milhões de sacas vendidas ao exterior, das quais 3,695 milhões foram de café solúvel e 17,605 mil de sacas de café torr…

Flexcane - cana otimizada para processo industrial e aumento do valor nutricional das forrageiras

Imagem
Diminuir a recalcitrância da parede celular da biomassa que serve como matéria-prima para a produção de etanol de segunda geração (etanol 2G) é um dos grandes desafios dos cientistas da Embrapa. Isso porque a etapa de desconstrução da biomassa é atualmente um gargalo dos sistemas de produção, implicando em grandes custos para instalação de infraestrutura para o pré-tratamento e hidrólise enzimática das biomassas.

Neste sentido, identificar e manipular alvos genéticos para a diminuição da recalcitrância é primordial para o desenvolvimento de etanol 2G. Por isso mesmo, um dos ativos biotecnológicos gerados pela Embrapa Agroenergia pode produzir impactos na cadeia produtiva da cana-de-açúcar. Trata-se de um gene que modifica a parede celular da planta e facilita a hidrólise enzimática, processo químico que extrai compostos da biomassa, o qual também ocorre naturalmente, no processo digestivo de ruminantes, ou na indústria sucroenergética.

Segundo o pesquisador Hugo Molinari, a equipe da …

Embrapa seleciona empresas interessadas em elaborar produtos inéditos derivados de ovinos

Imagem
Poderão participar da seleção empresas de qualquer porte com experiência comprovada no setor


Está aberto até 05 de fevereiro, o edital de seleção para empresas interessadas em elaborar produtos cárneos derivados de ovinos com Tecnologia Embrapa. A empresa selecionada deverá estar legalmente constituída para firmar contrato exclusivo para a produção e a comercialização de copas e presuntos curados ovinos, produtos inéditos no mercado.

Para a Embrapa, este edital representa um esforço em buscar um parceiro para a produção em escala industrial e venda destes produtos no mercado nacional. “Dessa forma, a Embrapa disponibiliza tecnologia visando alavancar novos negócios e oportunidades para a cadeia de produção ovina no Brasil. O edital é uma modalidade que permite que qualquer empresa que cumpra os requisitos possa se consolidar em parceira, levando estes produtos ao mercado consumidor”, explica a chefe de Transferência e Tecnologia da Embrapa Pecuária Sul, Estefanía Damboriarena.

O projet…

Pesquisas avaliam processos e características da carne maturada a seco

Imagem
Acompanhando o que existe de novo no cenário externo e interno, pesquisadores da Embrapa Pecuária Sudeste estão iniciando estudos com a carne maturada a seco, também conhecida como "dry aged beef". Em parceria com a Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), o centro de pesquisa vai avaliar características sensoriais, como maciez, sabor e aroma dessa carne.

De acordo com a pesquisadora Renata Tieko Nassu, o processo de maturação a seco ainda é recente no Brasil. Não existem protocolos de segurança e qualidade, nem legislação específica para regulamentá-lo. Além disso, há muitas dúvidas sobre os parâmetros do processo de maturação e seus efeitos no produto final.

Para otimizar as pesquisas sobre o tema, a Embrapa Pecuária Sudeste e a Unicamp estão unindo esforços em busca de um entendimento mais aprofundado. O professor Sérgio Bertelli Pflanzer Júnior, da Faculdade de Engenharia de Alimentos, está avaliando diferentes sistemas d…

Estagnada em 2018, pecuária de leite deve crescer este ano

Imagem
Melhora no cenário econômico e safra recorde de grãos devem fazer este ano ser de retomada de crescimento para a pecuária leiteira brasileira. A análise é de pesquisadores da equipe de socioeconomia da Embrapa Gado de Leite (MG) que fizeram um balanço do setor leiteiro no ano que se passou.

Segundo Glauco Carvalho, um dos integrantes da equipe, quando forem publicados os índices do período, a atividade deve fechar o ano estagnada ou crescer muito pouco em relação a 2017. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), naquele ano, a produção de leite inspecionado cresceu 5%, após um biênio complicado: 2015 (queda de 2,8%) e 2016 (queda de 3,7%). Isso significa que o setor deve fechar 2018 com um volume anual menor que o ano de 2014, antes da intensificação da crise econômica, quando a produção inspecionada foi de 24,7 bilhões de litros de leite e o volume total chegou a 35,1 bilhões de litros.

“Embora o produtor de leite esteja acostumado com desafios …

Pesquisa mostra interferência das árvores na lavoura em sistemas ILPF

Imagem
A soja é mais tolerante à sombra das árvores em um sistema de integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) do que o milho. Essa é uma das conclusões da avaliação de cinco anos de diferentes configurações de sistemas integrados realizada no maior experimento de ILPF conduzido pela Embrapa, em Sinop (MT).

De acordo com resultados publicados por pesquisadores da Embrapa Agrossilvipastoril (MT), a lavoura de soja só apresentou redução na produtividade devido à menor incidência de sol a partir do quarto ano de implantação dos sistemas. Já o milho, cultivado em segunda safra, apresentou queda da produtividade desde o terceiro ano agrícola.

A pesquisa foi feita em um experimento de 72 hectares, em que sistemas de produção de soja/milho, pecuária de corte e eucalipto são comparados com todas as combinações possíveis de integração: ILP, ILF, IPF e ILPF (com rotação a cada dois anos e com lavoura na safra e pecuária na safrinha todos os anos). As áreas com componente arbóreo são formadas por …

Manga e Japonvar encerram capacitações do Projeto ABC Cerrado

Imagem
Em Manga, 50 produtores participaram da capacitação divididos em duas turmas, sob a coordenação do instrutor Eugênio José da Silveira na Fazenda Vista Alegre. Em Japonvar, a capacitação foi realizada na Fazenda Santa Rosa para 20 produtores e teve a organização do instrutor João Renato Lopes.

O Projeto ABC Cerrado iniciou as atividades no Norte de Minas em 2016, com foco nas tecnologias de Recuperação de Pastagens Degradadas. Os municípios de Montes Claros e Icaraí de Minas foram os pioneiros. Em dois anos e meio de atuação, cerca de 1.100 produtores foram capacitados em 60 municípios do estado. 290 propriedades foram assistidas gratuitamente pelos técnicos de campo, e foram recuperados aproximadamente 14 mil hectares de pastagens.

Segundo o instrutor Eugênio Silveira, o Projeto ABC Cerrado teve os objetivos cumpridos em todas as suas tecnologias. “Os produtores entenderam que usar tecnologia não é ter equipamentos caros. E, sim, ter conhecimentos técnicos para desenvolver o trabalho…

Cursos sobre Cafeicultura encerram eventos do Senar em Viçosa em 2018

Imagem
Torra e Classificação e Degustação de Cafés foram alguns dos cursos que encerraram a programação do Senar Minas em Viçosa em 2018. Em parceria com o Centro de Excelência do Café das Matas de Minas (CEC) e Emater, respectivamente, os eventos foram oferecidos em conjunto com o Sindicato de Produtores Rurais do município.
No curso de Torra, de três dias, o aprendizado é intenso. De acordo com o instrutor e Q-grader Marcos Reis, o treinamento é voltado para quem já tem conhecimento básico e deseja se aprofundar sobre o assunto e entender mais sobre o produto, oferecendo mais informação também a quem planeja começar a atuar no ramo.
Muito além de compreender o processo e entender o resultado da torra na xícara, por meio do curso do Senar, o aluno entende que é necessário se profissionalizar, segundo o instrutor. “Fazemos uma revisão sobre os defeitos, passamos pela teoria e prática da torra, degustamos todo o café torrado e identificamos e comparamos os perfis de torra”, descr…

Com safra praticamente encerrada, Centro-Sul segue com venda de hidratado aquecida na 2ª quinzena de dezembro

Imagem
O volume de etanol hidratado comercializado no mercado interno pelas unidades do Centro-Sul somou 858,11 milhões de litros na segunda quinzena de dezembro de 2018. Trata-se de um crescimento de 26,57% em relação ao mesmo período do ano anterior (678,00 milhões de litros).

No total do mês, as vendas de hidratado atingiram 1,79 bilhão de litros, alta de 25,26% sobre dezembro de 2017 (1,43 bilhão de litros). Esse volume, recorde para um mês de dezembro, deve-se à manutenção da competitividade do biocombustível frente à gasolina no mercado doméstico. É o início de ano mais vantajoso para o etanol nessa década.

Nas primeiras semanas de 2019 - conforme pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), com dados compilados pela equipe técnica da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) - a paridade média entre os preços de bomba do etanol hidratado e da gasolina totalizou 65% no Brasil. Esse valor está muito aquém do rendimento técnico médio de 7…

Inscrições abertas para novo curso Cultivo e Produção de Cana-de-Açúcar

Imagem
Goiás é o segundo maior produtor de cana-de-açúcar e seus derivados açúcar e etanol no Brasil. A cultura é extremamente representativa em termos econômicos para o Estado: na safra 2018/19, a produção deve alcançar aproximadamente 71 milhões de toneladas. A cana-de-açúcar ocupa mais de um milhão de hectares de área plantada, é a segunda cultura agrícola mais importante considerando-se o Valor Bruto da Produção (VBP) e emprega mais de 100 mil pessoas de forma direta.

Como a demanda por profissionais qualificados é alta e os produtores e trabalhadores precisam se manter constantemente atualizados, o EAD Senar Goiás lança o curso Cultivo e Produção de Cana-de-açúcar.

A formação visa desenvolver alunos quanto às mais modernas práticas de cultivo, com vistas ao aumento de produtividade e rentabilidade na lavoura, aliadas à redução do impacto ambiental. O curso é totalmente online, gratuito, tem carga horária de 20 horas e o aluno terá até um mês para terminar seus estudos. Ao f…

Flores agradam também o paladar

Imagem
O cultivo de flores, atividade tradicional na região do Campo das Vertentes, tem papel de peso como atividade econômica para Minas Gerais. Nesse cenário, há cerca de dez anos, as pesquisas da Epamig e parceiros buscam técnicas inovadoras de produção, como o controle biológico de pragas e o estabelecimento das condições para o cultivo das flores comestíveis que, embaladas pela tradição gastronômica, despontam na região.

Nos restaurantes das cidades históricas da região da Estrada Real, ingredientes diferenciados são muito utilizados na confecção de pratos, e dentre esses estão às flores. Em atendimento à necessidade de gerar informações técnicas sobre o cultivo destas flores, pesquisadores da Epamig dedicam-se ao estudo da produção em sistemas agroecológicos.

Os experimentos ainda estão em andamento, mas as primeiras observações com capuchinhas, amor-perfeito e calêndulas já permitem dizer que é possível a produção dessas flores nas condições edafoclimáticas das Vertentes. Além disso, …