Guia orienta sobre cuidados básicos de higiene para prevenção à Covid-19

 


Mais de cinco meses após a pandemia do novo coronavírus ter sido decretada, os cuidados com higiene devem continuar e, muitos deles, ainda suscitam dúvidas: como higienizar corretamente a casa? E os alimentos? E que cuidados deve-se ter ao prepará-los? Que tipos de produtos podemos usar nos animais domésticos? Qual a frequência de limpeza deve-se ter no dia a dia?

Pensando em reforçar algumas destas questões e esclarecer outras, a Embrapa acaba de editar o “Guia básico de higiene doméstica para prevenção da Covid-19 e outras doenças”, com o patrocínio da Associação dos Comerciantes Estabelecidos no Mercado Municipal de Curitiba - ASCESME.  “Nós apostamos na parceria com a Embrapa para desenvolver este material, pois desde o início da pandemia o Mercado Municipal de Curitiba tem sido exemplo com os protocolos e procedimentos de segurança para conter a disseminação do vírus. Este material é uma forma de contribuirmos também com as pessoas dentro de seus lares”, ressalta Cleverson Augusto Schilipacke, presidente da ASCESME.

Com linguagem acessível, o Guia relembra informações importantes de higienização para fortalecer o combate ao coronavírus e outras doenças e traz, de forma didática, diversos esclarecimentos e orientações. “Mesmo passado este tempo, ainda existem dúvidas a respeito dos tipos de produtos, seus usos e efetividade no combate aos microrganismos”, explica a pesquisadora Rossana Catie de Godoy, da Embrapa Florestas. “Tentamos deixar o material o mais atualizado possível, mas sabemos que, à medida que a Ciência avance no conhecimento da Covid-19, essas orientações poderão ser atualizadas”, completa. Segundo a médica infectologista Marta Fragoso, "até o momento não há vacinas ou medicamentos profiláticos para esta doença de repercussão devastadora, que tem atingido a saúde pública e a economia mundiais. Desta forma, nos restam medidas não medicamentosas para nos proteger dessa impactante nova doença, e o Guia foi redigido neste sentido".

O Guia traz medidas de higiene para a segurança doméstica: cuidados pessoais, preparo de alimentos, cômodos da casa (com destaque para banheiros), objetos em geral, parte externa das residências, animais domésticos, e também a frequência de limpeza.

Um dos desafios para elaboração do material foi a revisão de todos os produtos domissanitários, ou seja, todos os produtos destinados à higienização, desinfecção ou desinfestação domiciliar, e resgatar suas orientações quanto ao uso, dosagem e eficiência. “São muitos os produtos e isso gera dúvidas nos consumidores”, esclarece Luciana Alves de Oliveira, pesquisadora da Embrapa Mandioca e Fruticultura. “Além disso, cada produto tem recomendações diferentes dependendo da superfície onde será aplicado”, completa a pesquisadora. 

Para Virginia Gasparini, da Secretaria Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Curitiba/PR, "conforme o codex alimentarius, 'alimento seguro é aquele que, quando consumido, não causará danos ao consumidor'. Baseado nas boas práticas, o guia vai orientar o que o consumidor deve fazer com os alimentos quando chegar em casa". 

“As medidas propostas no guia, quando adotadas pelos consumidores, acabam prevenindo também contra outras doenças, como as veiculadas por alimentos, já que as medidas de higiene pessoal e do ambiente contribuem para a manutenção da saúde de uma forma geral”, finaliza a pesquisadora Eliseth de Souza Viana, da Embrapa Mandioca e Fruticultura.

- Clique para baixar o “Guia básico de higiene doméstica para prevenção da Covid-19 e outras doenças”
- Acesse o site do Mercado Municipal de Curitiba para mais informações

 

Autoras:

  • - Rossana Catie Bueno de Godoy – pesquisadora da Embrapa Florestas (Engenheira Agrônoma, Doutora em Tecnologia de Alimentos)
  • - Eliseth de Souza Viana - pesquisadora da Embrapa Mandioca e Fruticultura (Economista Doméstica, Doutora em Microbiologia Agrícola)
  • - Luciana Alves de Oliveira - pesquisadora da Embrapa Mandioca e Fruticultura (Engenheira Química, Doutora em Engenharia Química)
  • - Virginia Afonso Gasparini - Coordenadora da Implantação da Gestão da Qualidade e Alimento Seguro nas Feiras, Mercados Públicos, Armazéns da Família, Restaurantes Populares na Secretaria Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Curitiba/PR (Médica Veterinária, Especialista em Gestão da Qualidade Total de Alimentos)
  • - Marta Francisca de Fátima Fragoso - Médica Infectologista do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná e Hospitais VITA Curitiba/PR (Doutoranda em Infecção Relacionada à Assistência a Saúde) 
Katia Pichelli (MTb 3594/PR)
Embrapa Florestas

Comentários

Mais vistas da semana

No Maranhão extrativistas da amêndoa de babaçu recebem mais R$ 450 mil em subvenções

Cafés do Brasil obtêm Denominação de Origem para a Mantiqueira de Minas

Cebola e batata ficam mais baratas nos principais mercados atacadistas

GEDAVE – O que é, como funciona e pontos de atenção da etapa de Cadastro

Programa de melhoramento de bovinos de carne adota critérios mais objetivos e amplia análise de rebanhos